Taxistas suspeitos de atacar motorista de aplicativo em Caçapava do Sul são presos

Quatro taxistas suspeitos de atacar um motorista de aplicativo foram presos pela Polícia Civil na manhã desta terça-feira em Caçapava do Sul. Eles foram detidos durante o cumprimento de quatro mandados de prisão preventiva e outros seis mandados de busca e apreensão. Na ocasião, foram recolhidas três toucas ninjas, oito celulares, um notebook e um computador.

“Eles serão indiciados por tentativa de homicídio, roubo e associação criminosa”, adiantou o titular substituto da DP de Caçapava do Sul, delegado Laurence Moraes Teixeira. “Os quatro foram reconhecidos pela vítima”, destacou. De acordo com ele, as provas incluem testemunhas e imagens de câmera de monitoramento.

Outros seis indivíduos ainda não identificados também são suspeitos de atacar a vítima.  “A versão deles é que ocorreu uma briga generalizada, mas apenas a vítima teve lesões”, observou o delegado, ressaltando que os agressores usavam toucas-ninja. “Todos possuem antecedentes por crimes diversos, desde ameaças a lesões corporais”, ressaltou o investigador.

Um dos taxistas envolvidos na agressão é, também, vereador da cidade de Caçapava do Sul. Conforme o delegado Laurence Moraes Teixeira, o ataque ao motorista ocorreu na noite do dia 11 deste mês, na área central da cidade. Além do espancamento, a vítima teve roubado um celular e cerca de R$ 500,00 em dinheiro.

Segundo ele, os taxistas manifestam inconformidade com o transporte por aplicativo que está em vias de ser regulamentado. O inquérito prossegue ainda com diligências, oitivas e aguardo de laudos periciais.

Avalie este item
(0 votos)

O Regional é um site de Entretenimento, Esportes e Alimentos. Aqui você pode obter as últimas notícias da sua região, estado e do mundo inteiro rapidamente.

Contato e-mail

Galeria de Fotos