Mesmo após contestação, governador sanciona inclusão do doce de leite na merenda escolar

04 Out 2019
371 vezes

Apesar de um pedido de veto, encaminhado pelo Conselho Regional de Nutricionistas, o governador Eduardo Leite sancionou, nesta quinta, o projeto de lei que prevê a inclusão do doce de leite na merenda escolar da rede pública estadual de ensino. A partir de agora, o alimento passa a fazer parte do cardápio elaborado pela Coordenadoria de Alimentação da Secretaria Estadual da Educação.

Na semana passada, o Conselho Regional de Nutricionistas da 2ª Região entregou parecer técnico citando índices de aumento da obesidade infantil e de doenças crônicas em função do consumo de gordura e açúcar.

Já o deputado Edson Brum, que assinou o projeto, se defendeu dizendo que a medida não obriga a inclusão do alimento na merenda. “Esse é um projeto que sugere a inclusão do doce de leite, mas não obriga nada. E claro, já acontece um acompanhamento realizado por nutricionistas porque a lei exige. Assim como são servidos geleia de frutas, bolos e biscoitos, a proposta é só uma sugestão para o cardápio”, argumentou.

O Conselho de Nutrição, em contrapartida, lembra que, apesar da eficiência do trabalho das nutricionistas da Seduc, só existem duas profissionais para cuidar dos cardápios das mais de 2 mil escolas da rede pública, que soma mais de 845 mil alunos matriculados, conforme o Censo Escolar do ano passado.

Fonte: CP

Avalie este item
(0 votos)

O Regional é um site de Entretenimento, Esportes e Alimentos. Aqui você pode obter as últimas notícias da sua região, estado e do mundo inteiro rapidamente.

Contato e-mail

Galeria de Fotos