Guantánamo Groove e Orquestra Itaimbé sobem ao palco na 6ª edição do Projeto Cultural Medianeira Instrumental

Quinta, 17 Maio 2018 16:32 Publicado em NOTÍCIAS

Guantánamo Groove e Orquestra Itaimbé sobem ao palco na 6ª edição do Projeto Cultural Medianeira Instrumental

 

O Projeto Cultural Medianeira Instrumental, desenvolvido pela Arquidiocese de Santa realiza a sua 6ª apresentação no próximo domingo, dia 20 de maio, ás 19 horas, o Santuário Basílica da Medianeira, em Santa Maria.

A atração da noite será a Guantánamo Groove com a participação espacial da Orquestra Itaimbé, de Santa Maria.

A Guantánamo Groove surgiu como um trio formado pelos amigos Gustavo, Vagner e Yuri, no ano de 2012 e depois de muita estrada, encontra sua sonoridade ideal ao lado da Orquestra Itaimbé, conjunto de variados instrumentistas da cidade que contribuem para a gama sonora e a nova roupagem das canções da banda.

Movida pela ideia de que o mundo inteiro cabe numa esquina da aldeia, a Guantánamo Groove busca inspiração nas cenas e personagens cotidianas para moldar sua lírica, cruzando inspirações sonoras de grooves explosivos, sofisticação jazzy e arquétipos regionais do Brasil entre a metrópole e a província.

No primeiro registro oficial da banda (o EP “Boca”, de 2014), composto por quatro canções, a GG já deixava explícita a intenção de fundir crônica e crítica social em forma de música, utilizando ícones da vida local (pessoas, lugares e costumes) para compor instantâneos sensíveis da nossa geração.

Já em “Ocupa”, disco lançado em 2016, a banda expande seu universo de referências sonoras absorvendo trejeitos da música brasileira pós-bossa nova. O próprio título do disco, um signo político em forma de gíria, atesta a verve mundana da Guantánamo, que neste trabalho de canções e ilustrações inéditas mistura histórias de amor, amizades caninas, e palavras de ordem. Financiado de forma colaborativa através de uma campanha de crowdfunding, “Ocupa” tem deixado seu relevo nos espaços públicos, reforçando a vocação da Guantánamo para fazer da rua o seu palco essencial.

Em seu terceiro e atual registro, “Guantánamo Groove & Orquestra Itaimbé - Acústico no Treze”, de 2017, a banda transita por uma musicalidade mais sofisticada, agora enriquecida por elementos clássicos. A Orquestra Itaimbé carrega o nome do parque urbano em que convivem os mais diversos tipos de Santa Maria e mantém firme a ânsia em conectar em seu horizonte artístico os elementos comuns ao bairro e ao planeta.

No domingo, o grupo se apresenta na Basílica da Medianeira com um repertorio formado por 11 canções, utilizando os mais variados instrumentos, entre eles Violão, Violinos, Viola, Violoncelo, Piano, Baixo, Trombone, Flauta Transversal, Bateria e Percussão.

O Projeto “Medianeira Instrumental” é desenvolvido pela Arquidiocese de Santa Maria, através da Lei Rouanet. As apresentações acontecem sempre no terceiro domingo de cada mês após a celebração eucarística e a entrada é franca. A apresentação será gravada e irá ao ar pela Rede Vida de Televisão no sábado, dia 26 de maio, ás 10h30min.

Franciele Volpatto

Assessoria de Comunicação do Projeto Cultural Medianeira Instrumental