Novo prédio do IGP será referência em perícias criminais na região Sul do país

Quarta, 29 Novembro 2017 18:22 Publicado em Estadual

As obras do Centro Regional de Excelência em Perícias Criminais do Sul, nova sede do Instituto-Geral de Perícias (IGP), mudaram a paisagem da entrada da capital gaúcha. A nova estrutura está sendo construída ao lado da Secretaria da Segurança Pública (SSP), próximo à Rodoviária.

 

Na manhã desta quarta-feira (29), os secretários estaduais de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, e o de Segurança Pública, Cezar Schirmer, e o diretor-geral do IGP, Eduardo Lima Silva visitaram as obras da nova sede do IGP. O Centro Regional de Excelência em Perícias Criminais será o primeiro do modelo no Brasil, servindo como referência aos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A nova estrutura irá permitir o treinamento e intercâmbio de conhecimento entre profissionais de todo o território nacional.

 

O secretário de Obras, Fabiano Pereira, destaca a importância dessa obra para o estado, lembrando que ela é um símbolo para a área da segurança pública do Rio Grande do Sul. “A nova sede do IGP vai oportunizar uma estrutura adequada para a prestação dos serviços e centralizar as ações desenvolvidas na área. Esse momento só foi possível através do trabalho conjunto dos corpos técnicos das duas secretarias, com a supervisão da secretaria de Planejamento e Gestão", ressalta.

 

Para o secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer, a nova sede do IGP será referência no sul do país. “Uma obra de suma importância, pois colocará o IGP em um novo patamar. Seremos referência para todo Brasil. A nova sede unirá o princípio da economicidade ao trabalho integrado, dando celeridade aos procedimentos periciais”, destacou o secretário.

 

Participaram da visita o fiscal da obra o engenheiro da SOP Luiz Ricardo Flores Saenger, o gerente de projeto da SSP, Jackson Garrafiel Dombrowski, e representantes da empresa Kaefe Construção e Incorporação responsável pela a execução da obra.

 

Saiba mais:

 

O prédio em estrutura pré-moldada terá 11,7 mil metros quadrados de área construída, distribuídos em sete andares e ocupando um terreno de 7,3 mil metros quadrados. A nova sede do Instituto-Geral de Perícias abrigará a administração central do órgão, as direções de departamento e todos os laboratórios responsáveis pelos laudos periciais.

 

A nova sede do IGP está orçada em R$ 29,2 milhões, a obra será um marco na história da perícia criminal gaúcha. Os recursos do governo federal somam a quantia de R$ 25,9 milhões, com contrapartida do governo do Estado de R$ 3,3 milhões.

 

O projeto foi elaborado pelo corpo técnico de arquitetos e engenheiros do departamento de obras públicas da SOP. Em 2017, o Governo do Estado criou uma força-tarefa na área da segurança, reunindo profissionais das secretarias de Obras e da Segurança Pública, para destravar os processos e projetos na área. A obra da nova sede do IGP é um dos projetos prioritários na área da segurança pública.

 

Em março de 2017 foi criada uma comissão para a fiscalização e acompanhamento da obra, reunindo profissionais técnicos do Departamento de Obras, da 1ª CROP, da força-tarefa e do IGP.