Domingo, 11 Maio 2014 20:36

Mãe preocupada

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

- Meu filho, faz oito dias que você não fala comigo.

- Coincidência, mãe, hoje faz oito dias que a senhora também não fala comigo.

- Pois é, filho, você se tranca nesse quarto com esse computador e não mostra a cara nem para a sua mãe...

- Mãe, “cara” se diz para os bichos. Para as pessoas é “face”

- Eu só queria ver a tua cara, rosto ou face, seja o que for.

- Face não. Tem coisas que a senhora não pode ver. Ok?

- Mas por quê? Você andou brigando e machucando a face?

- Não briguei nem pretendo brigar. Me deixe navegar, por favor!

- Navegar? Meu filho, você está no mundo da lua?

- Da lua, nada, eu estou no mundo moderno.

- Eu entendo, mas na verdade, eu estou muito preocupada com você, meu filho.

- A minha mãe preocupada... Isso não é nenhuma novidade.

- Meu filho, você não come, não bebe, não sai do quarto e não larga mais esse computador..

- Calma, mãe. Amanhã, definitivamente, eu vou mudar essa minha rotina.

- Que maravilha, meu filho! Era tudo que eu esperava de você. Eu não vejo a hora de você largar o computador e sair desse maldito quarto.

- Não apenas vou largar, como vou trocar essa porcaria, por um novo para navegar melhor a semana que vem.

- Quer dizer que não vai mudar nada?

- Como não? Vou mudar do computador velho para o novo; do quarto para a sala e, além disso, vou estar mudando de uma semana para a outra, fazendo aquilo que eu  mais gosto.

- Meu filho, olha bem para a minha cara e me responda: Eu errei com você?

- Sim mãe. De novo a senhora falou “cara” e a moda agora é “face”. Facebook, mãe.

             

F U I !

 

Escrito por Professor Emílio Ebling Dias

 

Lido 1210 vezes Última modificação em Domingo, 11 Maio 2014 20:48
Mais nesta categoria: « O Parlamentar e os alunos