Campo Bom terá castramóvel para atender animais de rua

Segunda, 12 Fevereiro 2018 10:52 Publicado em Estadual

Sem contar com um canil municipal, a cidade de Campo Bom implantará, até março, um castramóvel para realizar procedimento cirúrgicos em animais de rua. Segundo o secretário de Meio Ambiente, João Flávio da Rosa, um dos pré-requisitos para iniciar o serviço foi o mapeamento do número e locais de maior concentração dos animais. "Começamos a fazer esse levantamento em junho do ano passado com auxílio dos agentes comunitários de saúde e chegamos ao alarmante dado e 1,5 mil animais abandonados."

As regiões com maior concentração dos cães e gatos são os bairros Santa Maria, Quatro Colônias Norte e as zonas industriais, próximas à ERS 239. "As áreas de maior vulnerabilidade social têm maior concentração de animais. Só no bairro Imigrante Norte são mais de cem, o que torna o local prioritário para ações de fiscalização, controle populacional e de doenças”, alerta. Outros projetos estão sendo criados para a população animal. "Teremos também um centro de bem-estar animal que funcionará em um contêiner, já adquirido, que foi adaptado segundo normativa do Conselho Regional de Medicina Veterinária do RS, para abrigar salas cirúrgicas para procedimentos mais complexos e atendimento médicos." O local terá capacidade para 20 animais.

A ambulância onde funcionará o castramóvel seria leiloada e foi recuperada, com investimento de R$ 100 mil. O trabalho está sendo feito em parceria com ONGs. Figura já conhecida entre os moradores da avenida Goiás, no bairro Imigrante Norte, o vira-lata Capitão é um dos que foram contabilizados no censo da prefeitura. Ele foi adotado pelos moradores.  

Fonte: CP

Última modificação em Segunda, 12 Fevereiro 2018 10:56