Servidora é presa por suspeita de roubo de merenda em escola de Pelotas

Terça, 09 Outubro 2018 00:03 Publicado em NOTÍCIAS

A Polícia Civil de Pelotas prendeu, na tarde desta segunda-feira, uma servidora suspeita de roubar merenda em uma escola municipal, onde é merendeira. A suspeita é de peculato. Na casa dela, policiais encontraram aproximadamente 350 quilos de comida.

A delegada responsável pela investigação do caso, Lisiane Mattaredona, disse que a 1ª Delegacia de Polícia recebeu denúncia há três meses. “Ficamos monitorando até que chegou o momento de prendê-la. Ela repassava os alimentos a uma outra pessoa que não é funcionária pública. As duas revendiam o alimento”, explicou.

A filha da mulher também vinha ajudando no crime, segundo a Polícia. A adolescente vai responder a um procedimento de menor infrator. A mulher fica, por enquanto, no Presídio Regional de Pelotas. “Ela deve ficar presa ao menos pelos próximos dez dias até que possamos concluir o inquérito.”

Conforme a prefeitura, o caso ocorreu no Colégio Municipal Pelotense e a denúncia partiu da Prefeitura. A Secretaria Municipal de Educação e Desporto, após relatos dos pais de alunos, encaminhou uma investigação interna efetuada junto ao setor de inteligência da Secretaria Municipal de Segurança Pública.

O sistema de videomonitoramento de rua flagrou a merendeira carregando os alimentos para um carro. A prefeitura abriu processo administrativo para que a mulher seja demitida do cargo.